segunda-feira, 29 de agosto de 2011

Adivinha quanto eu gosto de ti ♥

Adoro este livro, é tão fofinho. Apesar de o meu filho já saber ler, ainda quer que lhe leia algumas histórias. Esta, é uma delas. Quem a conhece, percebe porquê.

Conta a história de uma pequena lebre que quer mostrar à sua mãe, o quanto gosta dela, abrindo os seus pequenos braços, saltando... mas, a mãe ganha sempre, porque salta mais alto, porque tem braços maiores...
 

No fim de contar esta história ao meu filho:
Ele: - "Gosto de ti, daqui até Marte e de Marte até aqui..."
Eu: - "Gosto de ti, daqui até ao Plutão e do Plutão até aqui..."
Ele: - "Ai... esqueci-me desse..."

Uns segundos depois...

Ele: - "Gosto de ti, até ao fim do Universo e do fim do Universo até aqui..."
Eu: - "Pronto, ganhaste!" (era o que ele queria, e a pequena lebre também)

15 comentários:

Dadinha disse...

Ana, os filhos de tanto nos amarem.
fazem-nos sentir os seres mais importantes e poderosos do mundo, melhor do universo.
:)

Ana (A mamã é só minha) disse...

Concordo Dadinha.
Às vezes tenho tanto medo. Apesar de acreditar que há uma linha que nos unirá para sempre, tenho receio que este amor diminua. Quando olho para alguns adolescentes e vejo a forma como alguns tratam os pais, nem quero pensar. Acho que não irei dar motivos para isso, mas o medo está sempre presente.
Obrigada pelas palavras carinhosas
Beijinhos

Mª João disse...

Nós também adoramos esta história! Boa semana!!

ESpeCiaLmente GaSPaS disse...

Que giro!!

Como o meu filho diz: "Ûm ti" (gosto de ti)

:)

Tânia (Mamã do Santiago) disse...

Podemos não ter mais nada, mas ter o amor dos filhos chega :)

estrela disse...

Quero ver se compro essa história para contar à minha princesa que adora histórias!!!

abspinola disse...

Gostei do tema do livro, tenho que o comprar, o piolho adora historias.
Como a Tânia disse podemos não ter mais nada mas o amor de um filho é quanto basta para sermos felizes, perfeitamente de acordo.

Bjs

Mafalda S. disse...

Que lindo! Esses momentos de cumplicidade são tão bons...

Deve ser um livro óptimo.

Beijo

Manuela disse...

Querida Ana, que ternura! :)

P. B. disse...

Estou a gostar :P

Ana (A mamã é só minha) disse...

Obrigada :)

Não há nada melhor que o amor. Quem somos nós sem ele?

O livro é mesmo lindo, recomendo.

Beijinhos

Mãe Feliz disse...

Não conhecia o livro, mas parece lindo! Mais um para a lista de compras!

:*

ana disse...

E existe alguma coisa mais deliciosa de se ouvir que os nossos filhos a dizerem que gostam de nós?
Obrigada por partilhares!
beijinho

Naná disse...

O meu ainda não diz gosto de ti, mas eu sinto o tamanho do amor dele por mim quando ele me pega na cara e dá beijinhos!
Os nossos filhos são o melhor que nos pode acontecer!

Ana (A mamã é só minha) disse...

Mãe Feliz
Fazes muito bem :)

Ana
Claro que não! Às vezes, apetece congelar certos momentos, como este :)

Naná
Esse dia vai chegar, claro. A minha filha ainda não diz, mas demonstra-o com gestos e olhares.
E o olhar de felicidade e o abraço demorado que me dá, quando a vou buscar à creche, não poderia ser dito por palavras.

Beijinhos

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...